熱門關鍵字

歌詞

錯誤回報

Os dias parecem séculos
Quando a gente anda em círculos
Seguindo ideais ridículos
De querer lutar e poder

O analista passeando na Europa

E nas fotos um sorriso idiota
Os dias parecem séculos

Como enfermeiras em filmes de guerra
E violinos em canções de amor
A seguir cenas obcenas do próximo capítulo
e o futuro virá

Filmes de guerra, canções de amor
Manchetes de jornal, ou seja lá o que for
Há sempre uma estória infeliz
Esperando uma atriz e um ator

Não tenho medo de perder a guerra
Pois no fim da guerra todos perdem
No fim das contas as nações unidas
Tão sempre prontas pra desunião

Desde o início eu sabia

Um dia iria acontecer


Há um guarda em cada esquina
Esperando o sinal
Pra transformar um banho de piscina
Numa batalha naval
Agora sinto um medo infantil
Mas na hora certa afundaremos o navio
Então, dê um copo de aguardente
Para um corpo sentindo frio

Você sabe que eu preciso

Já não é mais segredo


Não me peça para entender
Não me peça pra escolher
Entre o fio ciumento da navalha
E o frio de um campo de batalha


Chegamos, quem diria?

Voltamos enfim ao início
Quando se anda em círculos
Nunca se é bastante rápido